"> OS SERVIDORES DO PLANO - ASTROLOGIA CÁRMICA | Bloguez.com - Bloguez.com
 

 OS SERVIDORES DO PLANO DIVINO

8/4/2011

 

Quem são os Servidores?

Não é segredo hoje para a mente indagadora e observadora que mudanças  transcendentais e inauditas estão transcorrendo dentro do sistema solar e sobre a Terra, à medida que a velha era de Peixes se rende à nova idade de Aquário. Estamos vivendo em um período de purificação e transformação radical no qual tudo está se mobilizando, mudando e evoluindo.

 

Todos,  em cada país do mundo estão  experimentando as primeiras ondas de uma tremenda descarga de força divina sobre a Terra. Uma metamorfose global incomparável está acontecendo agora, a qual está acelerando o desenvolvimento humano em todos os aspectos, trazendo grandes mudanças à vida Terrestre e logo elevará a humanidade até uma nova era de experiência e expressão avançadas, à medida que nasce um Novo Mundo.

 

Essa ocasião única está atraindo o interesse e atenção de muitos outros seres dentro dos limites do vasto Universo e uma vez que o planeta Terra sustenta uma posição chave no sistema solar local e na galáxia como um conjunto, nosso orbe se tornou um núcleo atarefado ou uma intersecção para  muito tráfego de outros planetas, mundos e dimensões. Membros de várias confederações interestelares – muitas das quais têm seus representantes encarnados fisicamente na Terra neste momento – se acercaram de nosso planeta para assistir à iminente Grande  Transição, a qual afetará positivamente a toda Vida em nosso mundo. O pranto da humanidade foi recebido e o apoio amoroso se dirige para onde é requerido ou sinceramente solicitado.

 

O termo “dimensão” denota uma freqüência vibratória de consciência ou plano de existência. A estrutura oculta da parte inferior do Universo em que residimos – O Plano Físico Cósmico – é muito frequentemente descrito utilizando um modelo setenário, por exemplo,  sete níveis ascendendo desde o mais denso ou mais material, em um nível mais baixo, até o menos denso ou de vibração acelerada no topo. Cada nível ou plano maior pode, então, ser novamente dividido em sete sub-níveis. Todavia, tais divisões claramente definidas são somente para conveniência conceitual porque na verdade, um nível não pode ser realmente distinto do próximo, devido a que o espectro completo de freqüências vibratórias muda em graduações extremamente sutis. O nível prevalecente de consciência entre os seres humanos na Terra, hoje, utilizando o modelo setenário é aquele da terceira dimensão, aproximando-se da quarta.

 

Aqueles a quem denominamos Servidores, vem de outros sistemas altamente evoluídos, onde  o desenvolvimento espiritual geral alcançou tal nível que o amor incondicional e a fraternidade são conhecidos e expressos espontaneamente.

 

Muitos desses Servidores são membros de civilizações avançadas que lograram e mantém uma sintonia muitíssimo maior com a Vontade Divina do que a humanidade e assim atingiram um grau muito maior em relação ao Propósito Universal, assim como uma unidade de pensamento e atividade entre eles.

 

Com a finalidade de honrar seu compromisso voluntário com a humanidade, celebrado há muito tempo, alguns destes seres avançados têm  tomado corpos humanos na Terra por milhões de anos; outros já ofereceram seu serviço à humanidade encarnados pela primeira vez; outros ainda optaram por não utilizar corpos físicos  e permaneceram residindo dentro de mundos ocultos, mas acompanhando intimamente o nosso planeta, trabalhando, velando, aguardando e respondendo, de maneira desinteressada e com propósito inteligente,  a chamados de assistência  emitidos por aqueles encarnados na Terra que invocam seu auxílio.

 

Existem muitas e diversas classes de Servidores que se originam e descendem de planos internos ou superiores de vários sistemas estelares,  que tomaram um corpo físico atualmente na Terra.

 

Estes agentes dedicados, obedientes e de boa vontade se ofereceram para descer às esferas mais densas de nosso corpo planetário com a finalidade de conduzir a humanidade a uma tarefa muito importante. Nem todos os emissários são almas simples e individuais. Além de grande número de almas grupais e hierarquias de enviados divinos, os quais necessariamente se dividiram  para poder servir em uma encarnação individualizada, existem também sobre a Terra elementos cuidadosamente selecionados de grandes  seres multidimensionais, ou ultra terrestres, os quais funcionam principal e habitualmente como uma mente cósmica única entre uma multidão imensa de entidades coletivas similares que operam ao longo de vários mundos e dimensões, alavancando o Universo. Como muitas chispas  diminutas saídas de uma grande explosão etérea, tais vidas exaltadas elegeram temporariamente fragmentar sua unidade para poder difundir seu serviço, distante de certas freqüências inferiores de vibração do Cósmico e para finalmente tomar corpos físicos em nosso planeta. Isto é realmente um ato de grande compaixão, não obstante, algo que é considerado por estas inteligências sublimes tão necessário nesta importante etapa de desenvolvimento espiritual da Terra e que trará conseqüências muito positivas, algo nunca antes presenciado pela humanidade ao longo de sua história.

 

Aqueles Servidores que tomaram numerosas encarnações anteriores na Terra, lidando repetidamente, no passado, com as cargas, os perigos, as penas e a dor da vida terrestre cotidiana, ao serem confrontados por todas as suas provas e desafios peculiares, combateram e lutaram pela justiça no planeta. Coletivamente deram cada passo no caminho do sofrimento, submeteram-se a cada experiência mundana e psíquica, venceram cada dificuldade e subsistiram.

 

 Estes Servidores da raça humana conheceram, muitas vezes, a imolação do ego pessoal ou inferior; são os mártires e santos de épocas anteriores, e conheceram bem, conseqüentemente, aquela renúncia completa a todo valor mundano (o repúdio de todas as coisas não necessárias) que também é a prescrição atual de toda alma sinceramente ambiciosa do espiritual na Terra.  Não existe adversidade, sacrifício, perda pessoal amarga que não tenham, a seu momento, experimentado. Exploraram todas as vias de conhecimento disponíveis na Terra, desceram até os vales mais profundos da vida e dentro dos abismos mais obscuros do inferno. Dali escalaram o cimo da montanha da conquista espiritual e então conseguiram transcender a ambos: espaço e tempo, perdendo toda identificação com o ego individual, para tornar-se apenas focos de luz na Mente Universal, e aqui se encontram suas qualificações para servir à humanidade, porque hoje estão de volta entre nós, para ajudar.

 

Conhecendo, portanto, a quintessência da dor e compreendendo a fundo as profundidades possíveis de pecado e sofrimento  que a humanidade pode acessar, os métodos dos Servidores podem ser perfeitamente medidos segundo as necessidades individuais. Ainda, ao mesmo tempo, na compreensão da liberação a ser alcançada durante este período crítico – o fim de um ciclo mundial maior – e sua compreensão da grande liberdade que é assegurada por meio da rejeição  dos modos de vida velhos e antiquados, em troca do paradigma mundial emergente, é suficiente para dar-lhes um entendimento completo das necessidades atuais da raça humana.

 

Os Servidores que estão despertando no planeta hoje em dia,  caracterizam-se geralmente por um amor ardente e determinado, o qual, com respeito ao bem coletivo, é inflexível. Eles podem ser identificados por uma inteligência espiritual que foi obtida através de incontáveis vidas terrestres e extraterrestres durante as quais, seus caminhos desde o fundo da vida e da evolução até as cercanias de sua emancipação da matéria pronta a ser alcançada por alguns deles. Devem ser reconhecidos por sua profunda experiência, a qual foi forjada pelo tempo junto com uma multiplicidade de interações com numerosas e diversas espécies de vida e por uma coragem e compromisso que são o resultado desta experiência, a qual, sendo produzida por tempos de dedicação, fracasso e empenho renovados, e tendo sempre conduzido à vitória, pode novamente hoje ser colocada aos pés da humanidade em serviço mundial.

 

Aqueles Servidores em especial, que se  familiarizaram bem com a vida na Terra, cultivaram uma habilidade para persistir, ainda que pareça que padeceram um sofrimento demasiado, e conhecem uma determinação que triunfa sobre todos os retrocessos, porque é fundada sobre uma paciência largamente cultivada, uma experiência extensa e baseada no Propósito Divino. Eles podem, portanto, também ser reconhecidos por sua dedicação bem enfocada, que é iluminada, inteligente e cooperativa, ajustando-se às necessidades imediatas da raça humana, desta maneira enquadrando-se aos parâmetros atuais do Plano Divino para a Terra.

 

Alguém poderia compreensivelmente perguntar: se certamente existe tanta luta, misérias e sofrimento inerentes às atividades do Servidor no plano físico, porque não se abstém de encarnar na Terra e simplesmente ajudam no âmbito dos planos mais sutis, trabalhando como se encarnados estivessem? Há duas razões principais para a presença física dos Servidores no planeta. Em primeiro lugar, e mais importante, encarnam no plano físico para que idéias arquetípicas – cuidadosamente formuladas dentro da Mente Divina – possam ser vividas por eles no plano da matéria e assim trazê-las à manifestação dentro da consciência humana. Uma vez que estas idéias arquetípicas tenham sido introduzidas na consciência da raça,  ao serem compreendidas e vividas por pessoas que formam parte desta consciência, são compreendidas pela humanidade e se tornam parte integrante de sua consciência coletiva e paradigma de vida.

 

Em segundo lugar, os Servidores encarnados fisicamente são capazes de oferecer certas formas de assistência que guias espirituais não encarnados nos planos internos não poderiam dar. Por exemplo,  devido à sua existência física, os Servidores encarnados possuem uma habilidade para contatar a humanidade externamente. Consequentemente, é muito mais provável que seu auxílio seja recebido por aqueles que são incapazes de ser contatados pelos ajudantes invisíveis da raça pelo lado oculto da vida; sua ajuda pode ser aceita por aqueles que permanecem céticos quanto aos mundos sutis. Não obstante, deve-se entender que tal assistência dada individualmente é apenas uma pequena parte do dever total dos Servidores e dentro em pouco, a grande missão coletiva se desenvolverá, à medida que os resultados derivados da Grande Obra das Eras comece a manifestar-se na Terra.

 

Muitos Servidores encarnados nestes tempos,  principalmente para auxiliar na transição da humanidade, estão justamente agora tornando-se conscientes da assistência estreita de um vasto conjunto de Inteligências Cósmicas, as quais permanecem ocultas para muitos e a cujas categorias eles são inatos. À medida que estímulos vagos mas familiares começam a formar-se em suas mentes, de acordo com um processo pré-determinado e revolucionário de recuperação de memória que está se acelerando pelo mundo todo, estes Servidores estão começando a se tornar conscientes de um  propósito enorme e de urgência em suas vidas. Seu véu de esquecimento, necessariamente imposto, está sendo levantado presentemente por mãos invisíveis e suas lembranças e faculdades espirituais elevadas estão retornando a eles.

 

Os Servidores estão despertando novamente, preparando-se para a execução de uma obra grande e nobre, quais sejam as ramificações  que levam significação universal. Estão começando a recobrar o propósito de seu dever para com a humanidade e com o planeta Terra, e estão recordando uma parte essencial de um esforço vasto e coletivo e uma tarefa tremendamente importante, cujo alcance se estende a milhões de anos atrás e uma miríade de encarnações passadas na Terra e em outros lugares, tudo sincronizado com a glória agora iminente e conclusiva. Na sua recuperação parcial de memória até agora, os Servidores estão percebendo, com grande felicidade, que estão a ponto de realizar a grande consumação de uma fase vital do Plano Divino para a Terra, o Sistema Solar e mais além, cujo resultado proporcionará repercussões de melhoramento de vida por todo o Universo.

 

Passado e Futuro

 

Eu te digo que as crianças de tempos passados estão caminhando para a morte da era que criaram para elas mesmas. Estão segurando uma corda apodrecida que pode romper-se de pronto e fazê-las cair em um abismo já esquecido. Eu digo que estão vivendo em lares com alicerces fracos. Enquanto a tormenta sopra – e está a ponto de soprar – seus lares cairão sobre suas cabeças e assim se converterão em seus túmulos. Eu digo que todos os seus pensamentos, suas palavras, suas lutas, suas composições, seus livros e suas obras não são nada senão cadeias que as arrastam, porque são muito fracas para puxar  sua carga.

 

Mas as crianças do amanhã são as que estão sendo chamadas pela vida e a seguem com passos firmes e cabeças erguidas. São a aurora de novas fronteiras; nenhuma fumaça tapará seus olhos e nenhum tilintar de cadeias abafará suas vozes . São poucos em número, mas a diferença é como um grão de trigo numa  pilha de feno. Ninguém as conhece, mas elas se conhecem mutuamente. São como  picos de montanha, que podem ver-se e escutar-se entre si – não como as cavernas, as quais não podem escutar nem ver.  São a semente regada pela mão de Deus no campo, rompendo seu invólucro  e tremulando seu broto à luz do sol.  Crescerão até ser uma árvore poderosa, suas raízes  dentro do coração da Terra e seus ramos altos até o céu.       

 

Excerto do livro “Servidores Del Plan Divino” http://www.thenewcall.org/sp/sp_sdp.htm

Traduzido por Lelia Zanfranceschi   para Anjo de Luz

Fonte: http://anjodeluz.ning.com/profiles/blogs/os-servidores-do-plano-divino

Postado por Fada San  (colaboração de Cris Kauer)

 

Category : PENSAMENTOS, BIOGRAFIAS, ENTREVISTAS, CRONICAS Print

| Contact author |