"> ASTRONOMIA - ECLIPSE, por James - ASTROLOGIA CÁRMICA | Bloguez.com - Bloguez.com
 

 ASTRONOMIA - ECLIPSE, por James Tyberonn

3/1/2011

 

 

 O Céu do dia 04 de janeiro de 2011

 

 Eclipses são Geradores de Energia – Momento ideal  para se definir Intenções e Resoluções de Ano Novo

O dia 4 de janeiro é um Eclipse Estelar Triplo:

(1)  Lua Nova – Novos começos, plantar “sementes”

(2)  Chuva de Meteoros Quadrantids: Trazendo as Unidades de Consciência do Akasha para Manifestação Intensificada através de Mini-Cometas de Fogo no Céu

(3)  Eclipse Solar – Mega Onda de Energia para Transição, Visão e Busca Interior

O Eclipse Solar de 4 de janeiro será triplamente grandioso, ocorrendo numa Lua Nova junto com a Chuva de Meteoros Quadrantids. A característica energética deste evento será a de aliviar a intensidade na qual a humanidade tem sido banhada nos últimos 21 dias. Será um dia de renovação, de uma recarga há muito esperada. No sentido mais verdadeiro, o dia 4 de janeiro (e não primeiro de janeiro) será o dia ideal para as “Resoluções de Ano Novo” para 2011.

E o sentido “astro-lógico” disto é fácil (para variar!)… A Lua Nova sempre se refere a renascimento, renovação, ao plantio de “sementes”, e estas serão super-carregadas pela potência do Eclipse Solar e dos cometas da Chuva de Meteoros. Então, não pensem que, por ser um Eclipse Solar parcial, apenas visível em regiões específicas, apenas cobrindo uma parte do Sol, esta energia não será extremamente poderosa. Este será um “Mega Evento”, intenso e vibrante de energia!

Todos os eclipses, especialmente os dos próximos 24 meses, são onipotentes em alcance e efeito. Eles são codificados com luz e estão contribuindo para a rápida transição da Grade Cristalina-144… assim como da Terra e da Humanidade. Os eclipses, tanto parciais quanto totais, afetam o sistema de grade planetário em sua totalidade, e as pulsações energéticas resultantes são distribuídas igualmente por todo o planeta.

Recentemente vocês experienciaram uma enorme onda de energia, no Eclipse Lunar Total e Solstício de 21 de dezembro, com Mercúrio retrógrado. Mercúrio completa o seu atual movimento retrógrado em 30 de dezembro e começa o movimento para frente bem a tempo para os acontecimentos do dia 4 de janeiro – Eclipse Solar/Lua Nova/Chuva de Meteoros.

Numa concepção bem real e intencional, o Eclipse codificado e engrandecido de 4 de janeiro completa o labirinto energético que teve início em 21 de dezembro. É a Luz virtual no Final do Túnel. Esta energia é oferecida à Humanidade e propicia um momento maravilhoso para se reanimar, para visualizar e manifestar intenção.

O Eclipse Solar de 4 de janeiro de 2011 está a 13 graus e 39 minutos de Capricórnio. Está em conjunção com a estrela fixa Ascella, com ótimas influências de Júpiter e Mercúrio. Projeta ondas de otimismo e abre portais energéticos para a alegria e a felicidade. Com a Lua Nova astrologicamente programada para amizades novas e influentes, dádivas valiosas e respeito pelas energias Femininas Divinas, o dia 4 de janeiro oferece grande renovação.

Assim, o emergente destaque da Estrela Ascella é importante durante o Eclipse de 4 de janeiro. Ascellae está na Constelação de Sagitário. Os Cabalistas associam-na com o Arcano do Tarot “Os Amantes”, provavelmente por causa do Cupido que está acima do casal, apontando seu arco e flecha como o arqueiro. A palavra Sag significa “procurar”. Então, a “astro-lógica” pode ser que esta será uma energia propícia para encontrar um novo parceiro ou companheiro. Com certeza as ondas de energia serão condutoras de novos começos ou de renovação das situações atuais.

O único aspecto planetário que a Lua Nova faz é uma quadratura com Saturno. Apesar da quadratura, a influência das estrelas é feliz, auspiciosa e otimista, e apenas reforça a influência de Saturno no que diz respeito à procura de se estabelecer e trabalhar duro. Esta é uma energia de harmonia, de reconstrução, de reatamento de laços partidos e parcerias. As pessoas estarão se reunindo, abrindo portas de comunicação e confiando umas nas outras.

É fácil perceber que o modo mais importante de se aproveitar as oportunidades de 4 de janeiro é “plantando sementes”, fazendo novas resoluções. A energia dos cometas e do eclipse introduzirá e ativará um grande número de “unidades de consciência” ou “Akashas Cristalinos”, os blocos da construção da manifestação do pensamento. Vocês limparam os obstáculos no Eclipse do Solstício, e agora é o momento perfeito para manifestarem novas metas, novos comportamentos e para a criação da abundância e dos acontecimentos que desejam para 2011.

Algo importante ocorrerá apenas quatro horas depois do Eclipse Solar de 4 de janeiro – a última das três Conjunções de Júpiter e Urano tornar-se-á exata. Teremos também Netuno e Quíron, como em 2010, com a diferença de que no ano passado eles estavam todos retrógrados, sob a influência do movimento giratório para trás. Mas desta vez estão no seu movimento normal e acrescentarão uma bela energia para manifestação.

Então, a essência e a energia da “Estrela Tripla” do Eclipse Solar de 4 de janeiro são as de renovação e grande alívio. O momento é perfeito para planejar e tomar resoluções para 2011, com uma idéia muito mais clara do que se deseja ser. Não haverá nenhum ponto fraco nem drama emocional desfavorável com a quadratura de Saturno. O sentimento será intenso no sentido de “levar as coisas para frente” e começar a se ancorar de novo na clareza e praticidade. Será o momento perfeito para organizar o ano que entra e plantar sementes realísticas… aquelas que se manifestarão e crescerão do jeito que você desejou e planejou. Este é um Eclipse livre de dramas e ilusões. Nada de fumaça, espelhos nem promessas grandiosas. É um momento para se sentir bem outra vez, arregaçar as mangas, voltar ao nível zero e se reanimar.

Vocês conseguiram chegar neste ponto, através da montanha russa da Grande Cruz Cardinal e do Mega Solstício de 2010. Não estou querendo dizer que 2011 será menos potente que 2010. Na verdade, será mais emocionante ainda! As energias de 2011 têm outros 5 eclipses – mais dois lunares e mais 3 solares – eclipses e equinócios potentes, e talvez o mais magnífico de tudo, o Portal de Data Tripla de 11-11-11. Mas graças à corrida de obstáculos que foi 2010, vocês ficaram mais fortes e agora vão administrar as mudanças de 2011 com um pouco mais de facilidade. Em 2011, vocês começam limpos! E muito mais sábios. Um começo perfeito. Usem esta energia… Aproveitem o Dia!

LUA NOVA – ECLIPSE SOLAR

Um Eclipse Solar na Lua Nova ocorrerá no dia 4 de janeiro. Este será o primeiro de quatro eclipses solares (parciais) que terão lugar em 2011. A última vez que ocorreram quatro eclipses parciais no mesmo ano foi em 2000, e em oito dos últimos onze anos não houve nenhum. Em 4 de janeiro, a Europa, África e Ásia serão contempladas com esse fenômeno visual, que dá ao Sol um formato crescente único.

Janeiro também fará o papel de mestre-de-cerimônias de vários outros espetáculos astrológicos potentes, incluindo uma conjunção “exata” de Júpiter e Urano, extremamente próximos um do outro, entre 3 e 5 de janeiro, um alinhamento que ocorre apenas a cada 14 anos – e a isto se juntará a chuva de meteoros Quadrantids, cujo ápice deverá ser à meia-noite de 3 para 4 de janeiro. Que alinhamento!

ECLIPSE SOLAR PARCIAL DE 4 DE JANEIRO DE 2011

O primeiro eclipse solar de 2011 ocorrerá no nodo ascendente da Lua em Sagitário Oriental. Um eclipse parcial será visível na maior parte da Europa, Norte da África e Ásia Central. A sombra penumbral tocará a superfície da Terra em primeiro lugar no Norte da Argélia às 6:40:11UT. Como a sombra se movimenta para o leste, a Europa Ocidental será contemplada com um eclipse parcial no nascer do Sol. A magnitude do eclipse para as cidades européias como Madrid (0.576), Paris (0.732), Londres (0.747) e Copenhagen (0.826) dará aos madrugadores uma excelente oportunidade de fotografar o eclipse do sol nascente num interessante cenário.

O eclipse maior ocorrerá às 08:50:35 UT no norte da Suécia, onde o eclipse no horizonte terá uma magnitude de 0.858.

Nesse momento, o eixo da sombra da Lua passará a apenas 510 km acima da superfície da Terra. A maior parte do Norte da África, Oriente Médio e Ásia Central também se encontrarão no caminho da penumbra. Os cidadãos do Cairo (0.551), Jerusalém (0.574), Istambul (0.713), e Teerã  (0.507) testemunharão um eclipse parcial de grande magnitude. Um eclipse do pôr do sol será visível da Rússia Central, Cazaquistão, Mongólia e Noroeste da China. O eclipse parcial terminará quando a penumbra deixar a Terra às 11:00:54 UT.

mensagem de James Tyberonn

Tradução de Vera Corrêa

 [1] As Quadrantids são uma chuva de meteoros que ocorre cada ano entre 8 de dezembro e 7 de janeiro, com um máximo em 3 de janeiro. Esta chuva de meteoros ocorre a cada ano quando a Terra passa através da órbita de um cometa desconhecido, e resíduos congelados deste cometa queimam à medida que eles entram na atmosfera da Terra. Os meteoros desta chuva parecem provir da constelação do Boötes, embora isto não seja real. Eles não vêm daquelas estrelas.

http://www.on.br/glossario/alfabeto/c/chuva_de_meteoros.html

http://www.luzcristica.com/blog/?p=2736

contribuição Cris Kauer

Category : CIÊNCIA, TECNOLOGIA, ESPIRITUALIDADE Print

| Contact author |