"> PROFECIA CELESTINA - James Redfield - ASTROLOGIA CÁRMICA | Bloguez.com - Bloguez.com
 

 PROFECIA CELESTINA - James Redfield (final)

30/12/2010

 

Se você estiver se esforçando e lutando para fazer as coisas acontecerem, você não está seguindo a corrente universal. Habitue-se a perguntar a si mesmo nos momentos de confusão: "Por que estou aqui(nesta situação agora)?" e "O que está acontecendo na minha vida neste momento?" Passe algum tempo em silêncio consigo mesmo. O que acontece quando você libera a ansiedade e o controle?

Algumas vezes você realmente precisa ser perseverante para transpor os obstáculos, mas se você estiver lutando, o que lhe parece ser uma batalha perdida, algo está em desarmonia. Pare o que você está fazendo, especialmente se você achar que não tem outra opção. Quando você se sente encurralado e indefeso, você está provavelmente preso numa luta interior que se manifestou em seu mundo exterior. Relaxe. Peça ajuda. Esteja disposto a não fazer nada durante algum tempo, ou a não saber a resposta no momento. A atividade mais prática é observar a beleza que o cerca e ligar-se a ela, para que você possa ficar aberto a coincidências e novas mensagens.

Entrar na Corrente geralmente significa que você obtém o que precisa a fim de preparar-se para a etapa seguinte da sua vida. Uma oportunidade se apresenta, e você então precisa fazer o trabalho. Permanecer em contato com suas esperanças, sonhos e necessidades o ajuda a transformá-los em realidade.

 

Tarefa Diária

Verificação para entrar na Corrente da Evolução

Mantenha Forte a Energia:

Fique aberto e sinta o amor entrando;

Observe a beleza para aumentar a energia;

Pare tantas vezes quantas forem necessárias para acumular energia;

Permaneça o máximo possível num estado de amor.

 

Peça Respostas

Concentre-se no presente;

Lembre-se da sua questão vital básica ( oriunda de seus pais);

Enuncie claramente quais são suas questões atuais;

Mantenha estas últimas em primeiro plano na sua atenção. Fique atento aos seus pensamentos e sonhos.

Fique Alerta

Assuma o ponto de vista de um observador como se você estivesse observando o desenrolar de um mistério (esta postura o ajuda a abandonar a necessidade de controlar);

Repare se alguma coisa é mais brilhante ou colorida, como um sinal para ajudá-lo a fazer uma escolha;

Observe seus pensamentos e palpites (estas são informações que você precisa conhecer agora);

Compare seus sonhos com sua situação atual e verifique o que eles revelam que você está menosprezando ou deixando escapar;

Se você não compreender as informações que estiver recebendo ou se achar que não está recebendo nenhuma, certifique-se de que está fazendo a pergunta certa. Faça outra pergunta.

Examine as Coincidências

Repare como as coincidências o enchem de energia;

O que a coincidência está trazendo à consciência?

Ainda há algum trabalho a ser feito com essa pessoa?

Se você tiver um palpite a respeito de alguma coisa ou pensamentos que se repetem, fique alerta à próxima coincidência ou mensagem. Ela geralmente o conduz na direção do pensamento ou palpite.

Envie Energia para Outras Pessoas duas vezes por dia em lugar calmo e especial

Dedique toda atenção e energia àqueles que você encontrar porque eles têm uma mensagem para você, e você para eles;

Lembre-se de que a energia que flui para fora de você cria uma corrente que atrai energia para você na mesma proporção, de modo que você é continuamente reabastecido.

Trabalhe com seus sonhos

Se você se vir diante de uma decisão difícil experimente pedir, todas as noites antes de dormir, para ter um sonho esclarecedor. Para estimular seu subconsciente a responder, mantenha seu diário e uma caneta ao lado da cama para poder registrar as informações do sonho. Estudos também demonstraram que medita no dia anterior ao sonho ajuda igualmente a lembrança dos sonhos.

Observar os pontos principais do sonho, o início, as ações, as personagens e a mensagem que ele lhe passa.


OITAVA VISÃO

Nome do Capítulo: A Ética Interpessoal (Compartilhar é multiplicar)

Quando compartilhamos coisas boas, multiplicamos as bênçãos em nossa vida. Quando um professor ensina, está aprendendo também e reforçando seu conhecimento. Na medida em que você enaltece cada pessoa que entra em sua vida, você aumenta a freqüência de coincidências orientadoras.

Quando você adota uma atitude compassiva e doa um pouco de sua energia aos outros, acelera os recados que a vida lhe dá e aumenta sua sincronicidade.

Fala do autor

 

"O manuscrito afirma que não existem encontros casuais. Todos que entram em nossa vida têm uma razão para isso e uma mensagem para nós".

A medida que aprendemos a ter relacionamentos mais conscientes, nossa evolução pessoal e a da geração seguinte será acelerada.

Alguns pontos a considerar para melhorar nossos relacionamentos:

Evitar competição (projetar amor e ajudar os companheiros);

Todos que encontramos têm uma mensagem para nós e nós para eles;

Toda evolução espiritual resulta em grupos de vibração mais elevada, mais sabedoria e cura;

O amor romântico retarda nossa evolução quando for projeções de apego;

Reconhecer e trabalhar para modificar nossa maneira co-dependente de nos relacionarmos com os outros;

Ver no próximo um ser extraordinário, deixar de enxergar somente o superficial;

Estar atento ao contato visual espontâneo com as outras pessoas ou a uma sensação de familiaridade;

Evitar as lutas pelo poder;

Conhecer bem uma pessoa do sexo oposto antes de nos entregarmos à paixão e ao sexo;

 

Formando Grupos Conscientes

 

Ao evoluirmos espiritualmente, começaremos a formar grupos conscientes com pessoas que pensam como nós.

Coisas incríveis acontecem quando todos os membros do grupo têm a intenção de elevar mutuamente suas vibrações. A sabedoria e a capacidade de cura disponíveis também aumentam porque nos tornamos maiores.

A chave para interagir num grupo é a atenção no momento presente, e se sentir uma forte vontade de falar, faça-o.Caso contrário, concentre-se em transmitir energia para os que se  sentem inclinados a falar.as idéias chegarão de maneira ordenada; todos terão a experiência de serem invadidos pela energia. Terão intuição mais aguçada e uma visão mais clara de si mesmos.

A criatividade aumentará em todos os membros do grupo.

O que é Co-dependência?

 

O principal indicador da co-dependência é o fato de dedicarmos mais atenção às ações e sentimentos de outra(s) pessoa(s) do que a nós mesmos, e sentir que temos que controlar tudo o que acontece. Quando nossos pensamentos  são dominados pelo que as outras pessoas estão fazendo, não estamos centrados no nosso processo interior. Quando estamos nos esforçando para controlar, cortamos nossa ligação com a Corrente das Sincronicidades do universo. Ficamos dependentes da energia do outro, como de uma droga, por exemplo. Perdemos de vista nossas metas pessoais e estamos sempre exauridos. É necessário mudar nossa ligação com esta(s) pessoa(s).

O Verdadeiro Relacionamento (a meta)

Estamos próximos de ter relacionamentos satisfatórios quando:

Pudermos viver bem sem um relacionamento;

Não tentarmos nos saturar da energia d outra pessoa;

Não termos necessidade de controlar ninguém;

Soubermos permanecer centrados em nossa energia;

Entendermos nosso sentimento;

Nos comunicarmos sem culpar ou manipular;

Não usarmos nosso drama de controle;

Estivermos abertos às mensagens das coincidências;

Conseguirmos trabalhar em direção a nossas metas;

Compartilharmos com nossos entes queridos nosso processo espiritual.

 

Tarefa de Casa

Quando alguém morre de repente, descobrimos que havia muito a dizer para essa pessoa, só que agora ela se foi.

Procure as pessoas que você ama e lhes diga que as ama porque ama.

Mas faça isso com calma, pois não fizeram as leituras necessárias para essa compreensão.

 

NONA VISÃO

Nome do Capítulo: A Cultura Emergente

Contém:

  Movimentos de busca da missão espiritual (no mundo inteiro);

  Conceitos sobre a existência da vida após a morte;

  Psicologia transpessoal;

  Viagens astrais, as regressões, etc...

A Nona Visão descreve como a cultura irá se modificar no próximo milênio como resultado da evolução consciente.

É um estímulo para continuarmos nosso caminho de evolução espiritual.

Enfatiza que quanto mais conseguirmos nos ligar à beleza e à energia que nos cerca, mais evoluiremos. Quanto mais evoluirmos, mais alta será nossa vibração. Por fim, nossa percepção e vibração intensificadas nos permitirão cruzar a barreira entre o mundo físico e o mundo invisível do qual viemos e para o qual retornaremos depois da morte física (utopia?). A Nona Visão nos inspira sempre que duvidamos do nosso caminho ou perdemos de vista o processo. Ela nos diz que estamos evoluindo em direção ao dia em que seremos capazes de alcançar um céu vibratório que já existe onde estamos.

Como chegar lá?

A maneira de alcançar essa vida futura é viver as oito Visões. O Manuscrito começou por nos mostrar a

Primeira Visão, que é reconhecer que o universo misteriosamente apresenta as oportunidades coincidentes que podem nos conduzir ao nosso destino.

A Segunda Visão nos permite ver o passado, e reconhecer que nós, coletivamente, estamos nos tornando conscientes da nossa natureza essencialmente espiritual.

A Terceira Visão nos mostra que o universo é energia pura que responde à nossa intenção.

A Quarta Visão demonstra que os seres humanos erroneamente tentam obter energia uns dos outros, o que resulta numa sensação de escassez, competição e luta.

A Quinta Visão descreve a sensação de uma ligação mística com a energia universal e como ela expande nossa perspectiva de vida, proporcionando-nos uma sensação de leveza e total segurança.

A Sexta Visão nos ajuda a nos libertarmos dos nossos dramas de controle e a definir o que buscamos atualmente na vida examinando o que herdamos dos nossos pais.

A Sétima Visão põe em ação e evolução do nosso verdadeiro eu nos mostrando como fazer perguntas, receber intuições e descobrir respostas.

A Oitava Visão nos fornece a chave para mantermos o mistério em funcionamento e continuarmos a receber as respostas nos mostrando como trazer à luz o que há de melhor nos outros.

Estas Visões, quando incorporadas à consciência, nos transmitem uma sensação ampliada de prontidão e expectativa enquanto evoluímos em direção ao nosso verdadeiro destino. Elas nos religam ao mistério da existência.

 

Consciência é um continuum (um espectro que se estende, parece que infinitamente, além do tempo e do espaço, em direção a outros sistemas de energia. Continua "para baixo", através da vida animal e vegetal, descendo possivelmente ao nível subatômico). (Robert Monroe).

A consciência humana cotidiana comumente só está ativa num pequeno segmento do continuum da Consciência.

Cada pequena coisa que aprendemos, por menor ou aparentemente sem conseqüências, tem um imenso valor Lá, além do tempo e do espaço.

Pierre Teillard de Chardin, padre jesuíta e ilustre paleontólogo, diz: "a superfície da esfera terrestre é uma estrutura organizadora que permite que as idéias encontrem umas às outras, gerando um elevado nível de energia psicossocial (massa crítica- inconsciente;coletivo, corrente- mente comum), formadora de um novo caminho evolucionário. Amor, boa vontade, cooperação; um aprender constante e crescente.

A Nona Visão nos lembra de que estamos aqui para alcançarmos o céu na terra.

Embora estejamos bombardeados por "sinais de desgraça" e sentirmos desespero e desesperança, muitas vezes, a nova consciência nos orienta para a busca de soluções também para os problemas sociais e planetários, liberando nossa energia criativa na direção do Amor e da Harmonia.

"A escolha de cultivar nossas maiores e melhores possibilidades é nossa, não de Deus... O desenvolvimento humano só continuará a se expandir se alguns de nós trabalharmos para que isso se realize". (Michael Murphy)

"A principal questão que precisamos discutir nas comunidades e empresas é se a humanidade irá participar da restauração da sustentabilidade planetária ou ser condenada pela nossa ignorância a desaparecer do planeta".

O Manuscrito nos faz lembrar que a consciência espiritual significa reconhecer a interdependência de toda a vida, e a beleza desta existência: estarmos em harmonia com nosso habitat natural.

A economia restauradora resume-se no seguinte: precisamos imaginar uma próspera cultura comercial tão inteligentemente projetada e construída que imite a natureza em cada passo, uma simbiose de companhia, cliente e ecologia. (...) Para sermos eficazes em nossas vidas, precisamos descobrir técnicas e programas exeqüíveis que possam ser colocados brevemente em prática, ferramentas para a mudança que sejam facilmente compreendidas e que ajustem naturalmente ao panorama da natureza humana.

Segundo Hawken, a natureza do mundo dos negócios não é intrinsecamente exploratória e destrutiva, embora o tenha sido com freqüência no passado. À medida que avançamos em direção ao terceiro milênio, o mundo dos negócios pode ser - precisa ser - reprojetado para a sustentabilidade. Ele escreveu o seguinte:

Ironicamente, o mundo dos negócios contém nossa bênção. Isso é preciso, porque nenhuma outra instituição no mundo moderno é suficientemente poderosa para produzir as necessárias mudanças.(...) O mundo dos negócios é o problema e precisa fazer parte da solução. Seu poder é mais crucial do que nunca para podermos organizar e satisfazer com eficiência as necessidades do mundo.(...) Embora o comércio sob seus piores aspectos pareça ser um circo de profanação e destruição quando comparado com a beleza e a complexidade da natureza, as idéias e grande parte da tecnologia exigida para o novo projeto do nosso mundo dos negócios e da restauração do planeta já estão à nossa disposição. O que falta é a vontade coletiva.

Livro indicado: Saber Cuidar, Leonardo Boff

 

Precisamos tomar conhecimento do conceito "eco-instrução", que contém oito princípios:

1.  Interdependência: "Numa comunidade de aprendizado, professores, alunos, administradores, pais e membros empresariais e comunitários estão interligados numa rede de relacionamentos, trabalhando em conjunto para facilitar o aprendizado".

2. Sustentabilidade: "Os professores vêem o impacto a longo prazo que exercem sobre os alunos".

3.  Ciclos Ecológicos: "Todos são ao mesmo tempo professor e aprendiz".

4.  Fluxo de Energia: "As comunidades de aprendizado são comunidades abertas onde as pessoas entram e saem, descobrindo sua posição apropriada no sistema".

5. Companheirismo: "Todos os membros trabalham em parceria, o que significa democracia e poder porque cada parte desempenha um papel extremamente importante".

6.  Flexibilidade: "Existe uma mudança dinâmica e fluidez. As programações diárias são flexíveis; cada vez que há uma mudança de tema, o ambiente de aprendizado é recriado".

7.  Diversidade: "Os alunos são estimulados a usar vários modos e estratégias de aprendizado(...) diversos estilos de aprendizado são apreciados(...) a diversidade cultural é crítica(...) para a  verdadeira comunidade".

8.  Co-evolução: "À medida que os grupos empresariais, os grupos comunitários e os pais trabalham numa maior colaboração com a escola(...) eles co-evoluem".

 

Massa crítica e campos morfogenéticos

Rupert Sheldrake, biólogo inglês, constrói uma teoria que ele chama de campo morfogenético . De acordo com a teoria de Sheldrake, existe um campo organizacional invisível.A hipótese de Sheldrake é que esse campo difuso, que não é limitado pelo tempo nem pelo espaço, determina tanto a forma  quanto o comportamento de todos os sistemas e organismos. Isto significa que tão logo uma mudança tenha ocorrido num sistema ou espécie numa parte do mundo, essa mudança poderá afetar sistemas e espécies semelhantes em qualquer outra parte do mundo. Curiosamente, esta teoria também pode explicar a transmissão do comportamento adquirido.

Se aplicarmos a teoria de Sheldrake ao desenvolvimento de estados mais elevados de consciência, poderíamos predizer que quanto maior o número de indivíduos que começassem a elevar seu nível pessoal de consciência, mais forte se tornaria o campo morfogenético para estados superiores, e mais fácil seria para que outros tomassem o mesmo rumo. A sociedade acumularia momentum em direção à iluminação. Como a taxa de crescimento não dependeria das realizações daqueles que tivessem vivido antes, poderíamos ingressar numa fase de crescimento superexponencial. Em última análise, isso poderia produzir uma reação em cadeia, na qual todas as pessoas começassem de repente a fazer transição para um nível mais elevado de consciência.

A Nona Visão conclui que: "À medida que a evolução prosseguir, o crescimento sincronístico elevará nossas vibrações ao ponto em que penetraremos na dimensão da vida após a morte, fundindo essa dimensão com a nossa e encerrando o ciclo de nascimento / morte".

 

 colaboração Cris Kauer

 

Category : HISTÓRIA, FILOSOFIA, TRADIÇÃO, MITOLOGIA Print

| Contact author |